Destaque

Fátima Gaviolli explica reordenamento da rede e diz que medida gera economia de R$ 20 milhões por mês


Secretária Estadual de Educação, Fátima Gaviolli,

A secretária estadual de Educação, Fátima Gaviolli, participou na tarde desta segunda-feira, 1º, da reunião ordinária da Comissão de Educação, Cultura e Esporte. No encontro, presidido pelo deputado Talles Barreto (PSDB), a titular da Seduc explicou medidas adotadas em sua gestão neste início de governo.

Gaviolli fez uma breve apresentação aos parlamentares presentes e agora responde aos questionamentos dos deputados. A secretária apresentou os motivos para fechamento de algumas escolas integrais e a forma como o reordenamento da rede está sendo executado.

“Em Santa Terezinha, por exemplo, tinha escola com 234 alunos, sendo que a capacidade dela era para mais de 1000 alunos. Aí tinha uma escola lá do lado com 56 alunos. Eu passei esses 56 alunos para a escola que tinha 234 e cedi o prédio para o prefeito abrir creche”, explicou.

De acordo com a secretária, as mudanças adotadas até agora representam uma economia de R$ 20 milhões por mês. “E isso não inclui a mudança do prédio da Seduc que vai gerar mais milhões de economia”.

0 Compart.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *